Você sabia que várias coisas na História poderiam ter tomado um rumo muito diferente? Seja para o lado positivo como para o lado negativo, alguns erros extremamente estúpidos criaram a História tal como conhecemos. Veja quais foram eles:

3 – O Dia D aconteceu por negligência

erros-bizarros-na-historia

A Batalha de Normandia, também como Dia D., era para ter um final bem diferente: o soldado alemão Eewin Rommel, considerado um dos melhores estrategistas de guerra de todos os tempos, havia bolado um plano infalível para a invasão, que no entanto não foi realizado.

Rommel acreditava que eles não seriam atacados tão cedo e então partiu para visitar sua esposa no dia do aniversário da mulher. Diz-se que os soldados tentaram ligar para Hitler, porém ninguém tinha a autorização para acordá-lo.

2 – A queda do Muro de Berlim começou com um erro de leitura

erros-bizarros-na-historia-2

Em 1989 a queda do muro de Berlim marcou o início de um mundo democrático na História: a Alemanha Oriental havia decidido suavizar as relações de restrições de viagem entre um lado e outro e quem divulgou essa boa notícia foi o político Gunter Schabowsk .

No dia 9 de novembro de 1989 o discurso era tão grande que foi lido e mal interpretado: as pessoas acreditaram que haveria o cancelamento no muro e assim começaram a derrubá-lo.

1 – O Titanic afundou porque alguém esqueceu um armário trancado

A história do Titanic, muito conhecida pelo seu filme protagonizado por Leonardo Di Caprio e Kate Wislet, reflete um trágico acidente de um grande transatlântico que colidiu com um iceberg.

erros-bizarros-na-historia-4

Existe uma teoria mencionada por alguns pesquisadores que explica o porquê de o navio não ter tido tempo de desviar: um funcionário, chamado Fred Fleet, encarregado de procurar icebergs com seu binóculo sobreviveu ao acidente e afirmou que se tivesse um acesso mais fácil aos binóculos talvez poderia ter tido tempo o suficiente para evitar a tragédia.

O que aconteceu era que o armário foi trancado e ninguém tinha a chave, de forma que a empresa que promoveu o cruzeiro resolveu colocar alguém “mais experiente em icebergs” na direção. Este comandante foi demitido e acabou levando a chave do armário, que todavia foi leiloada em 2012 pela família do próprio ex-comandante.

[Fonte: Cracked]

Comentários

CONTINUAR LENDO