Flores, natureza morta, paisagens urbanas e florestas. O artista que fez essas obras, conta com mais de 40 milhões de mortes em suas mãos. Sim, ele mesmo, o chefe nazista Adolf Hitler tinha uma paixão por artes visuais!

O talento artístico do jovem ditador não foi reconhecido.

No livro autobiográfico “Mein Kampf”, Hitler disse, que ele queria se tornar um artista, mas falhou miseravelmente no exame de admissão para a Academia de arte de Viena, que lhe negou a admissão lá duas vezes, em 1907 e 1908.

Em uma conversa que teve em Agosto de 1939, pouco antes da eclosão da Segunda Guerra Mundial, Hitler teria dito ao embaixador britânico Neville Henderson: “Eu sou um artista, não um político. Quando a questão polonesa for resolvida, eu gostaria de terminar minha vida como um artista”.

Durante a sua vida, Adolf Hitler criou centenas de pinturas, no período 1908-1914, ganhando a vida com a venda de pinturas.

O futuro ditador basicamente redesenhava vários exemplos da arquitetura.

Seu primeiro auto-retrato pintado em 1921.

Após a Segunda Guerra Mundial, algumas de suas pinturas foram vendidas em um leilão por dezenas de milhares de dólares. Outras ainda estão em poder do governo dos EUA. De acordo com alguns dados, hoje no mundo existem cerca de 720 pinturas de Adolf Hitler.

[OFIGENNO]

Comentários

CONTINUAR LENDO