A inteligência dos golfinhos nunca deixa de nos surpreender e não estamos falando apenas sobre o golfinho que roubou um iPad de uma mulher esta semana.

Uma nova pesquisa mostrou que os golfinhos “cantam” para seus filhotes antes de nascerem. Golfinhos usam “assobios” para se identificar e para se comunicarem uns com os outros, assim como nós usamos os nomes. Os golfinhos (mãe), foram observados e foi constatado que eles realizam um assobio diferente para o seu bebê nos meses que dura a gestação.

“Existe a hipótese de que seja parte de um processo de impressão”, disse Ames a Ciência Viva em conferência.

“Nós sabemos que os bebês humanos desenvolvem uma referência para a voz de sua mãe no último trimestre antes de nascer. Não sei se isso é algo que está acontecendo aqui, mas poderia ser algo semelhante”, acrescentou.

Eles gravaram 80 horas de áudio. Dois meses antes como também dois meses depois do nascimento em um tanque no Six Flags Discovery Kingdom em Vallejo, Califórnia. Um enorme aquário foi o lar de um grupo de golfinhos, incluindo uma fêmea de 9 anos de idade, que estava grávida de um filhote, que mais tarde foi chamada de Mira. Eles descobriram que a mãe realizava um novo tipo de assobio que se intensificou próximo ao nascimento, e  em seguida, começou a diminuir ao longo dos meses seguintes. Eles também constataram que outros golfinhos na área permaneceram mais calmos neste período, e acreditam que foi um esforço consciente por parte do grupo para não confundir o filhote, e para garantir que ele saiba no futuro o assobio de sua mãe.

Além disso, notou-se que quando a mãe começou a diminuir seus cantos os outros golfinhos do grupo começaram a aumentar as taxas de seus próprios assobios.

Fonte: IFLSCIENCE

Comentários

CONTINUAR LENDO