Este artigo contém algumas imagens que podem ser perturbadoras.

A jovem Meghan Linsey da Louisiana, nos Estados Unidos, ficou famosa por ser uma das finalistas do “The Voice” recentemente. Mas então seus fãs notaram que ela tinha desaparecido das redes sociais e se perguntavam o que teria acontecido com ela.

Sabendo disso, Meghan revelou o motivo e postou uma foto que verás a seguir:

A jovem narrou todo o acontecimento: Essa ferida terrível aconteceu assim: “Eu acordei com uma sensação de picada no rosto. Eu olhei, e na minha mão direita tinha uma aranha morta. De alguma maneira, enquanto eu dormia, uma aranha me picou e eu a matei. Este cenário está literalmente no topo da minha lista de pesadelos. A picada foi terrível e eu soube que ela era venenosa. Eu coloquei a aranha em um saco e fui para a emergência.”

Pelos dias seguintes Meghan teve espasmos musculares, erupções de pele pelo corpo inteiro, e a pele ao redor do local da picada ficou preta, já que o tecido na área morreu. Parte do tratamento dela envolvia ficar em uma câmara hiperbárica, com nível de oxigênio mais alto que o normal, para ajudar a pele a se regenerar.

Os médicos da emergência confirmaram que ela tinha sido picada por uma aranha reclusa marrom (Loxosceles), uma das aranhas mais venenosas dos Estados Unidos (a outra é a viúva negra, que ficou ainda mais famosa graças à Marvel e a Scarlett Johansson).

Felizmente, dentro de duas semanas Meghan já tinha se recuperado e, em sua maior parte, sua cicatriz é quase invisível. Se você vive em uma região com algum tipo de aranha venenosa, boa sorte!

Atenção: se você matar uma, não a toque. O veneno faz mal à pele, mesmo sem você ter sofrido uma picada.

Assustador, não?

Comentários

CONTINUAR LENDO