Você sabia que o medicamento Captopril, ou Capoten, que combate e controla a hipertensão é produzido com uma substância encontrada no veneno da jararaca brasileira?

Desde a década de 1970, este é o medicamento mais vendido no mundo todo para o controle da pressão alta, sendo os medicamentos Eptifibatide e Tirofiban também feitos a partir dos venenos da cascavel-anã e da víbora Echis carinatus. A partir da década de 1990, estes medicamentos começaram a ser usados para tratar doenças diversas, além de angina e outras doenças cardíacas como até mesmo os venenos podem ser encontrados em cosméticos.

De acordo com o médico e farmacologista Sérgio Henrique Ferreira, em 1960 houve o isolamento do veneno da jararaca-da-mata e acontece que o princípio ativo do veneno intensificou a resposta à bradicinina, que é um hormônio do grupo das Cininas com atividade fisiológica natural no ser humano.

A substância resultante foi capaz de inibir os agentes que aumentam a pressão arterial, chamados de angiotensina, ao mesmo tempo prolongando o efeito da pressão baixa nos pacientes.

Muitos ativistas, por outro lado, são totalmente contra o uso deste veneno, alegando que o método de obtenção do mesmo seja capaz de prejudicar o equilíbrio ambiental e tratar os animais de maneira cruel.

E você, qual seu posicionamento sobre o assunto em questão?

Fonte: Diário de Biologia.

Comentários

CONTINUAR LENDO