Um dos estudos mais compreensivos já compilados sobre pesca ilegal de tubarões traz novas estatísticas surpreendentes. Cerca de 100 milhões de tubarões são mortos todos os anos em todo o mundo, um número que excede o que muitas populações precisam recuperar.

O relatório estatístico, compilado por pesquisadores da Universidade de Dalhousie em Halifax, no Canadá, compilou o número de capturas de tubarões notificadas em todo o mundo e usou dados de quase 100 artigos anteriores para estimar o número de mortes de tubarões não declaradas a cada ano. Os pesquisadores conseguiram calcular que entre 6,4% e 7,9% dos tubarões de todas as espécies são mortos anualmente.

Tubarões são capturados e mortos por sua carne e óleo de peixe a partir do fígado e da cartilagem, mas a maior demanda é de barbatanas. Se tubarões forem mortos no mesmo ritmo frenético para fazerem sopa de barbatana de tubarão, ao longo dos próximos 10-20 anos, muitas de suas espécies podem desaparecer.

“Há um número impressionante de tubarões sendo capturados todos os anos e o número é muito alto considerando a biologia das espécies”, diz o biólogo de Dalhousie, Boris Worm, pesquisador principal do estudo. Os 100 milhões de tubarões eram, na verdade, uma estimativa conservadora. A equipe de Worm descobriu que o número poderia chegar a 273 milhões de tubarões mortos a cada ano.

Para combater tais números, a maioria dos países tem autoridade para regular em torno de suas próprias costas e as capturas trazidas para os seus portos. Mas a pressão aumentou nos últimos anos para a Conferência sobre Comércio Internacional de Espécies Ameaçadas de Extinção (CITES) para regular o comércio internacional das espécies mais ameaçadas. Em 2010, funcionários da CITES negaram proteções significativas aos tubarões. Mas depois que a ONU recomendou que os governos levassem essa proteção a sério, os funcionários da CITES começaram a tomar medidas estratégicas quanto ao problema.

Confira as imagens da crueldade a seguir.

Aviso: imagens fortes.

1990-2002, Próximo de Cocos Island, Costa Rica – A barbatana desse tubarão é destinada a virar sopa de barbatana de tubarão. O resto do animal foi jogado ao mar.

Protesto contra a matança de tubarões. Na imagem, placas com a frase “Extinção é para sempre”.

Fonte: National Geographic / Ofigenno

Que tal contribuir com um ponto? 😉

17 pontos
Upvote Downvote

Total votes: 33

Upvotes: 25

Upvotes percentage: 75.757576%

Downvotes: 8

Downvotes percentage: 24.242424%

Comentários

CONTINUAR LENDO