Com apenas 9 anos de idade, Hannah iniciou seu tratamento de coluna, usando uma cinta durante 23 horas por dia, na esperança de endireitar sua coluna. Ela tinha muito medo de sofrer bullying na escola por conta de seu problema e por isso não permitia que fosse fotografada.

Este tratamento não havia funcionado, de modo que ela teve de passar por intervenção cirúrgica de grande porte, tendo uma haste de titânio fundida em sua coluna. A garota permitiu que fosse fotografada por sua tia, a fim de documentar toda sua vida e seu processo de luta e superação.

Hannah sempre usava roupas largas para esconder a cinta que auxiliava a “endireitar” a coluna, o que todavia não foi eficiente.

Sua coluna vertebral atingia 70 graus em forma de ‘S’ e a cirurgia seria a única opção neste caso. Sem escolha, Hannah, teve de revelar seu segredo à escola e aos amigos, já que levaria quase dois meses para se recuperar.

Depois de anos de tratamento ela pode se sentir muito melhor e pronta para começar os estudos no colegial.

Com essa história aprendemos que, apesar de nossos problemas, devemos aceitar a condição em que estamos e seguir adiante, sem medo de sofrer repressão ou censura de amigos por algum defeito que podemos ter.

Hannah se demonstra muito mais confiante agora, principalmente após o trabalho fotográfico que mostra as etapas de sua superação – um verdadeiro exemplo a ser seguido.

Fonte: Daily Mail.

Comentários

CONTINUAR LENDO