Uma mulher entrou no hospital se queixando de uma dor de cabeça que a estava deixando louca. E depois de alguns exames os médicos ficaram surpresos ao encontrarem uma barata ainda viva se rastejando dentro de seu crânio.

A ajudante doméstica Selvi, de 42 anos, disse que acordou no meio da noite sofrendo de uma “sensação de rastejamento” em sua narina direita e um sentimento de “queimação” em sua cabeça.

As varreduras então revelaram que uma barata ainda viva estava presa na base do seu crânio entre os olhos.

Os médicos usando pinças, demoraram cerca de 45 minutos para conseguir tirar o inseto de lá.

Se ela tivesse ignorado a sensação de queimação, os especialistas acreditam que o inseto teria morrido, o que poderia lhe causar uma infecção que se espalharia por todo o cérebro.

“Tive uma sensação de formigamento e rastejando dentro de minha cabeça e sempre que ele (o inseto) se movia, me dava uma sensação de ardor nos olhos.” disse ela.

Então, ela correu com seu filho para a clínica mais próxima, mas alegou que ninguém encontrou nada de errado nela.

Então , no dia seguinte, ainda se sentindo mal, ela foi para o hospital do estado Stanley Medical College, em Chennai, onde os médicos encontraram o inseto vivo.

O Dr. MN Shankar, chefe do departamento de otorrinolaringologia do hospital, disse: “Este é o primeiro caso que vejo em minhas três décadas de prática.”

“Ele estava sentado na base do crânio, entre os dois olhos, perto do cérebro.”

“Foi difícil removê-lo por causa do lugar onde estava sentado.”

“Eu tive que primeiro arrastá-lo para um lugar de onde eu poderia puxá-lo para fora.”

Que susto, não foi?

Fonte: [Dailymail]

Comentários

CONTINUAR LENDO